Nervo ciático: O que pode ser, causas, e tratamento

Nervo ciático: O que pode ser, causas, e tratamento
Maior nervo do corpo humano e raiz de muitas dores, saiba o que é nervo ciático I Foto: Freepik

Ciático inflamado? Veja causas!

Dificuldade em manter a coluna ereta, dores intensas no fundo das costas, nas pernas, glúteos e ao andar. Esses são alguns sintomas de quem sofre com compressões ou inflamações no nervo ciático, o maior nervo do corpo humano. Ele começa na região lombar, passa pelas nádegas e pela parte posterior das coxas, estendendo-se por toda a perna até chegar ao pé. É responsável por coordenar as articulações do quadril, joelhos, tornozelos, além dos músculos das pernas e dos pés.

Para tratar o nervo ciático inflamado, a pessoa deve procurar um médico ortopedista ou fisioterapeuta, que irá indicar remédios, exercícios e até fisioterapia. A seguir, veja mais sobre o que é nervo ciático, possíveis causas para inflamação, como tratar e aliviar os sintomas.

Nervo ciático: de onde vem a dor?

Como já dito, a dor no nervo ciático ocorre quando ele sofre alguma compressão ou inflamação. Esse é um quadro mais comum quando há uma hérnia de disco lombar, um aperto do canal onde passa a medula, desalinhamento de uma vértebra ou quando o indivíduo tem um aumento do tônus e da firmeza dos glúteos. De modo resumido, é comum o aparecimento desta disfunção em casos de desvios nas coluna, predisposições para contraturas musculares e/ou desequilíbrios musculares.

A dor ciática pode ocorrer, por exemplo, após trabalhar muito a região dos glúteos na academia, quando há, por consequência, um aumento do tônus ou quando se desenvolve uma contratura no músculo piriforme do glúteo. Essa região do quadril, localizada na parte profunda das nádegas, é a principal responsável por lesões no ciático. Quando este músculo está muito tensionado ou contraturado, o nervo ciático sofre uma compressão, que pode gerar dor em forma de dormência, choque ou formigamento.

Porém, não só um esforço excessivo pode provocar dor ciática. Casos em que há inflamação, quadro conhecido como ciatalgia, podem decorrer de estresses diários, má postura, além do envelhecimento natural do organismo. A dor ciática provocada pelo envelhecimento por aparecer em pessoas com idade entre 30 e 50 anos.

Além disso, a dor no nervo ciático pode ser provocada por doenças degenerativas, como artrose, hérnias, protusões discais; gravidez; movimentos bruscos; obesidade e sedentarismo; má formação genética do músculo piriforme; traumas por acidentes ou peso excessivo na coluna; tumores e infecções.

Dor no nervo ciático: principais sintomas

Mas como saber se a dor é ciática? Há alguns sintomas mais comuns que podem servir de alerta. O indivíduo com o nervo ciático afetado pode sofrer com fortes dores na região lombar, nos glúteos, panturrilhas e pernas. Também pode ocorrer uma certa limitação dos movimentos para executar tarefas como sentar, deitar, levantar, manter a coluna ereta.

Outros sintomas também podem apontar para uma possível inflamação no ciático. É importante ficar atento para uma possível irradiação da dor lombar para as pernas, sensação de pontadas ou choque elétrico, dormência ou formigamento na perna e na planta do pé, fraqueza nas pernas, dificuldade para manter a mesma posição, tossir ou espirrar, queimação local e dor no músculo piriforme.

Ao sentir algum dos sintomas listados, a pessoa deve procurar com brevidade um médico ortopedista para fazer uma avaliação. Quando o quadro se torna crônico, a inflamação no nervo ciático pode gerar problemas mais graves na coluna, como hérnias de disco, artrose ou espondilolistese.

Tratamentos para dor no nervo ciático

São muitos os tratamentos que podem ser indicados por um médico especializado para curar as dores do nervo ciático. Veja, a seguir, algumas delas.

Remédios

Para combater a dor ciática, o ortopedista pode receitar remédios como paracetamol, Ibuprofeno, ou outros mais fortes derivados da morfina, como o Tramadol ou Diazepam. O especialista também pode optar por uma forma mais natural de combater as dores ciáticas, indicando complexo de vitamina B para promover uma melhora na saúde dos nervos do corpo.

A necessidade e escolha dos remédios ou vitaminas deve ser feita pelo médico. Então, nada de se automedicar!

Massagens

Massagens com creme hidratante ou óleos essenciais são boas opções para o tratamento caseiro do nervo ciático inflamado. Além de ajudar a aliviar a dor, as massagens relaxam os músculos das costas, pernas e glúteos, e, assim, diminuem a compressão do nervo. Apesar de trazer muitos benefícios, as massagens não excluem o tratamento na clínica. Também é importante lembrar que as massagens devem ser realizadas por um profissional especializado, um massagista ou fisioterapeuta.

Tratamentos alternativos

Sessões de acupuntura e reflexologia também podem ser benéficas para o alívio da dor e desconfortos. Outra opção de tratamento alternativo é a osteopatia, técnicas que esticam os músculos. A osteopatia é bastante indicada em tratamentos de escoliose, hiperlordose e de hérnia de disco, que geralmente estão envolvidas na causa da dor ciática.

Exercícios para nervo ciático

Há alguns exercícios diários bastante indicados para quem sofre com a dor ciática. Ficar muito tempo em repouso ou numa mesma posição pode piorar a dor, por isso, exercícios leves podem ser grandes aliados. Para começar, são mais recomendados alongamentos que podem ser feitos com a pessoa deitada de barriga para cima e abraçando as pernas.

Já quando a dor é de menor intensidade, podem ser indicados exercícios que promovam o fortalecimento muscular. Um exemplo de exercício simples é deitar de barriga para cima, dobrar os joelhos e apertar uma almofada entre as pernas. Com essa atividade, a pessoa trabalha as costas e a coluna.

Outro exercício é deitar de barriga para cima, dobrar os joelhos e levantar o quadril e o bumbum da superfície em que está deitada. Estes exercícios promovem o fortalecimento do abdômen e, consequentemente, protegem a coluna.

Exercícios para nervo ciático
Exercícios para nervo ciático I Foto: Freepik

Cirurgia na coluna

E como saber se o meu caso necessita de uma intervenção mais incisiva, como a realização de cirurgia? A cirurgia é recomendada apenas para casos mais graves, em que há, por exemplo, hérnia de disco que não melhora com nenhum dos tratamentos já mencionados acima. Mas é preciso, sempre, buscar orientação médica.

Inicie seu tratamento no Centro Médico CADEG

Sofre com as dores no nervo ciático ou tem algum dos sintomas de compressão ou inflamação nesta região? É importante procurar o quanto antes um tratamento adequado com um profissional de confiança, e você pode iniciar seu tratamento no Centro Médico CADEG. Você, paciente, ainda pode aderir ao Clube de Benefícios Médicos, que oferece uma série de vantagens, como descontos de 20% a 70% em consultas e exames.

Assinando o Clube de Benefícios Médicos, o paciente tem acesso a serviços médicos de alta qualidade, por um preço acessível, livre de anuidade e carência.

Gostou do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Deixe um comentário

Saiba mais sobre como cuidar de você e da sua família

Utilizamos cookies para oferecer a melhor experiência para você. Ao utilizar este site, você concorda com o uso destes cookies.