Angiologista: saiba tudo sobre a especialidade

A angiologia não é uma especialidade da medicina muito conhecida. No entanto, o médico angiologista desempenha funções muito importantes e frequentemente acaba por ser bastante procurado. Por isso, saiba “angiologista o que é” e quando se consultar com esse médico!

O que é um medico angiologista
No CADEG, você pode se consultar com um angiologista por um preço popular | Foto: Freepik

Angiologista: o que é?

O angiologista é o médico responsável por diagnosticar e tratar doenças relacionadas ao sistema circulatório e linfático, ou seja, problemas que afetam os vasos linfáticos e sanguíneos. Um médico angiologista cuida de uma parte fundamental para o bom funcionamento do organismo, visto que os vasos sanguíneos transportam o sangue para todos os tecidos, órgãos e membros do corpo, abastecendo o organismo com oxigênio e nutrientes. Enquanto o sistema linfático tem ligação com a parte imunológica, o angiologista preza pelo sistema circulatório.

Qual é a especialidade de um angiologista?

Essa não é uma área muito conhecida da medicina, já que é uma especialidade relativamente nova. A angiologia é uma vertente da medicina encarregada de estudar veias e artérias de todo o corpo humano. Dessa forma, a especialidade do médico angiologista é no sistema circulatório e linfático.

Qual é a diferença em relação ao médico vascular?

Como a angiologia é uma especialidade semelhante à especialidade de um médico vascular, há uma certa confusão: no passado, as especialidades já eram uma só. A principal diferença é que enquanto o angiologista busca soluções para problemas de circulação sanguínea com tratamento clínico, o médico vascular realiza cirurgias, quando não há outra solução.

Quando se deve procurar um angiologista?

Um médico especializado em angiologia, assim como qualquer outro, não deve ser procurado apenas quando o paciente apresenta sintomas, mas também para prevenir problemas de saúde. Por isso, procurar por um centro médico, como o CADEG, é importante.

Se sentir dores nas pernas, inchaço, formigamento, sensação de peso, cãibra e cansaço, marque uma consulta com um angiologista o mais rápido o possível. Doenças vasculares podem ser silenciosas e acabam sendo detectadas somente quando já estão agravadas, podendo causar danos à saúde e até mesmo morte. Além disso, idosos devem ter atenção redobrada.

Procurar uma consulta com um especialista em angiologia diminui os riscos de complicações vasculares, como amputações, ulcerações, ferimentos que não cicatrizam, danos cerebrais e em outros órgãos vitais.

Exames, tratamentos e diagnósticos feito por um angiologista

Como a angiologia está relacionada às doenças vasculares que afetam o sistema circulatório e linfático, o médico angiologista pode diagnosticar varizes, vasculite, aneurisma arterial, trombose venosa profunda, insuficiência vascular, fístulas arteriovenosas, síndrome de Raynaud, entre outros. Para isso, o angiologista usa diversas técnicas e exames que podem ser feitos por um preço popular, por meio de um programa de benefícios. Por exemplo, exames de angiografia, eco doppler, capilaroscopia, radiografia, cintilografia, tomografia e ressonância magnética.

Entre os tratamentos da área da angiologia que podem ser prescritos por um médico angiologista, estão: escleroterapia de varizes com ou sem espuma, aplicação de laser transdérmico para tratamento de hemangiomas e varizes e curativos em úlceras, que são algumas intervenções pequenas ambulatoriais.  Além disso, o médico angiologista pode indicar medicações, hábitos para o dia a dia e cirurgias, que precisam de internações de pacientes. Nesse caso, os procedimentos serão realizados pelo cirurgião vascular e não pelo especialista em angiologia.

Dicas para uma melhor circulação sanguínea

Segundo a angiologia, existem alguns hábitos que podem ajudar a melhorar a circulação sanguínea. Assim, algumas pequenas ações indicadas por especialistas podem evitar que o médico angiologista precise realizar um procedimento ou que o seu caso se torne mais grave, havendo a necessidade de cirurgia. Ao fazer uma consulta com um angiologista, provavelmente ele indicará para pessoas com doenças vasculares mais leves uma mudança no estilo de vida, por exemplo:

1. Ter uma alimentação equilibrada e saudável

Manter uma alimentação com frutas, verduras e legumes fará bem não só para o seu sistema circulatório, mas também para todo o seu organismo. No entanto, falando especificamente da saúde vascular, consumir alimentos saudáveis contribui para o fortalecimento das paredes dos vasos sanguíneos e para a ativação da circulação. Além disso, lembre-se de consumir fibras, uma vez que elas ajudam a reduzir o índice e acúmulo de toxicidade no sangue e a evitar alterações nas paredes das veias.

2. Praticar atividades físicas

Essa é uma recomendação que o angiologista fará para quem tem problemas de circulação sanguínea. Isso porque atividades físicas regulares melhoram a circulação sanguínea, impedindo o agravamento de doenças vasculares e melhorando as dores.

Entre as práticas indicadas pela angiologia, está desde a caminhada até os esportes, como a natação. Dê preferência às atividades que exigem o movimentos dos músculos da panturrilha. Isso melhora o retorno do sangue ao coração, visto que as chances dele ficar parado ou acumulado nos membros inferiores é bem menor.

3. Não ficar por muito tempo na mesma posição

Esse é outro fator já confirmado pela angiologia que prejudica a circulação sanguínea, principalmente para aqueles com problemas vasculares. Ficar sentada ou em pé por muito tempo não é bom, porque esses hábitos por um longo período reduzem o fluxo sanguíneo nos membros inferiores.

Por isso, pessoas que ficam o dia todo em uma mesma posição têm mais chances de ter varizes ou doenças relacionadas ao sistema circulatório. Se for esse o seu caso, é ainda mais necessário que você realize atividades físicas e faça uma consulta com o angiologista.

4. Parar de fumar

É comprovado pela angiologia que as substâncias do cigarro, principalmente a nicotina, provocam um afinamento dos vasos sanguíneos. Com isso, em fumantes o sangue circula com mais dificuldade nas áreas afetadas. Outro problema é o monóxido de carbono, que é um fator de risco para o desenvolvimento de doenças vasculares, já que ele reduz a concentração de oxigênio no sangue.

5. Consultar um especialista em angiologia

Essas dicas melhoram a circulação sanguínea, mas é necessário uma consulta com o angiologista. Ele poderá, por meio de exames, analisar a sua saúde vascular e indicar um tratamento para o seu caso. Além disso, após ser diagnosticado com um problema de circulação, a consulta regular com o médico angiologista e a realização de exames são fundamentais.

Faça uma consulta no centro médico CAGED

A consulta com um médico angiologista deve ser feita não só para diagnóstico e tratamento, mas também para prevenção de problemas vasculares, para que assim o agravamento do quadro seja evitado. Dessa forma, o centro médico CADEG é lugar certo se você procurar por um convênio médico em Benfica, no Rio de Janeiro.

O CADEG oferece consultas e exames para mais de 30 especialidades, inclusive angiologia, por um preço popular. A procura por clínica popular Rio de Janeiro aumentou, pois essa é uma alternativa para a demora no atendimento público e os altos valores das consultas particulares.

O CADEG conta ainda com um clube de benefícios, que oferece de 30% a 70% de desconto em consultas e exames. Se está procurando por uma clínica popular Benfica para uma consulta com um angiologista, o centro médico CADEG é o lugar certo para você cuidar da sua saúde!

Gostou do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Deixe um comentário

Saiba mais sobre como cuidar de você e da sua família

Utilizamos cookies para oferecer a melhor experiência para você. Ao utilizar este site, você concorda com o uso destes cookies.